Navegação – Mapa do site
Cultura 24 Capa
Descrição
Capa: Cesare Ripa, Iconologia, ed. Padua, 1618.
 
INTELLETTO - (Intelecto)
 
Rapaz audacioso, vestido de ouro, terá na cabeça uma coroa de ouro, ou uma grinalda cor de mostarda, os seus cabelos serão loiros e penteados em belos anéis, do cimo da cabeça sairá uma chama, na mão direita terá um ceptro, e com a esquerda apontará uma águia que lhe está próxima. O intelecto é por natureza incorruptível e nunca envelhece, e todavia é representado jovem.
A roupa de ouro signifi ca a pureza e simplicidade do seu ser, sendo o ouro puríssimo entre os
outros metais, como se diz. Os cabelos estão de acordo com o encanto das suas operações. A coroa e o ceptro são sinais do poder, que tem sobre todas as paixões da nossa alma e sobre a própria vontade, a qual não deseja senão o que o intelecto propõe. A chama é o desejo natural de saber, nascido da capacidade da virtude intelectual, a qual sempre aspira às coisa altas e divinas, se pelos sentidos, que obedecem de boa vontade, não se deixa desviar pela consideração das coisas terrenas e baixas.
O apontar a águia com o dedo signifi ca o acto de entender, sendo próprio do intelecto o dobrar a operação em si próprio, vencendo a águia no voo, a qual supera nisto todas as outras aves e animais, como também no ver.
A mostarda incendeia a boca e alivia a cabeça, e por isso signifi ca a grande operação de um intelecto purifi cado no tempo, que as névoas das paixões ou as trevas da ignorância não ofuscam. Ver Pierio lib. 57.
Ficheiro original
  • Logo CHAM - Centro de Humanidades
  • Revues.org